16/10/2012

Um look para a moda Lisboa, à última da hora e sem pensar muito...

Queridos Amigos,
Sei que gostam de looks. E eu disse que para aqui vinha o meu look da moda Lisboa. Eu cá por mim vou para a moda Lisboa e para todo o lado como sou. Porque a roupa e o que pomos em cima é a nossa linguagem. Mas uma linguagem que fala de nós, que nos apresenta aos outros e que lhes conta a história daquilo que somos e por isso é tão fascinante.  Não se deslumbrar / influenciar com os ambientes aonde se vai e ser sempre a mesma pessoa = estilo. Claro que a nossa roupa tem de se adaptar às circunstâncias de lugar e de tempo onde nos situamos, mas sem nunca deixar de revelar o "eu" que somos. Um melhor eu, sim. Isso todos os dias, mas sem prescindir do "eu", porque a pessoa que somos é infinitamente mais importante do que os ambientes onde nos possamos encontrar. E eu o que vejo é que as pessoas se deixam influenciar tanto pelos ambientes que se transformam em pessoas mascaradas = figura triste. Ou em pessoas viciadas. Nestes ambientes os apelos para entrar nesse submundo são tremendos. E as pessoas caem porque desconhecem o valor que têm em si mesmas,  independentemente do "peso a mais" do que o necessário para os desfiles, dos menores êxitos nos castings, na falta dos elogios ou no excesso das críticas dos "entendidos" do meio.. E isso é uma enorme pena e uma maior perda. E depois há os desfiles. Arte, criatividade, deslumbramento, beleza, imaginação, ... com um enorme sinal mais que nos enche de luz por dentro e isso é simplesmente mais do que maravilhoso, sem dúvida.
Acabaram as filosofias! Vamos lá ver o look!
 Neste look só falta o chapéu que me levaram e que já contei aqui a história. A questão para mim é que o chapéu é a minha companhia de há muitos anos porque sol na cabeça = dores de garganta e infecções pulmonares do costume. Isso e apanhar frio na zona do pescoço e por isso ando sempre enrolada em cachecóis e lenços. E isso para mim é uma necessidade de saúde que tento que fique estiloso...








Esta mala não é, logicamente, a melhor companhia para este estilismo. Mas é a minha mala de viagens e é a minha mala para aglomerados urbanos e ajuntamentos. É à prova de roubo e à prova de estrago. Ou seja: uma mala para todo o terreno e, por isso, não me importei de aqui a juntar porque é sempre a eleita para estas situações!


Vai a vermelho em homenagem ao "vermelho Valentino" que amo de paixão (e porque a preto não se notava, mas pronto...)






Beijinho da Maria.

4 comentários:

Catarina Nicolau Campos disse...

Flawless! Um bom outfit fala por si. O bom-gosto dispensa excentricidades para se impôr.
As calças são um must-have, na Blanco vendem umas parecidíssimas mas mais baratas, e só tenho pena de não ter corpo no próximo ano para as poder usar!

Maria disse...

Querida Catarina. Que bom que gostaste! Sim, estas calças são um must have e acho que vão continuar a ser pelas próximas estações pelo que tenho visto das colecções. Tenho a certeza que te ficariam bem. Vê aqui como a Prada as vestiu. Assim ficam bem a toda a gente, embora as pessoas mais clássicas tenham talvez de "travar" nos padrões. Não é o teu caso! A Prada conjugou-as com padrões diferentes e eu estou louca para arranjar uma conjugação destas, mas ainda não consegui porque, embora pareça fácil, não é. Com conjugações fortes de padrões e de cores, tem de se ter cuidado com o equilíbrio. Podemos ficar apalhaçadas.... Mas vê aqui:
http://fashionstatement-mulherescomestilo.blogspot.pt/2012/03/na-rua.html Um beijinho muito grande para ti querida

TeresaHU disse...

Maria adorei a forma como prendeu o cabelo!! É um elástico a parecer cabelo ou como é? Adorava ter!

Maria disse...

Teresa: escrevi um post a explicar como é. Vou ver se arranjo um para ti. Eu já tinha escrito este comentário e agora não aparece... Há em louro, preto e esta cor (que penso que é a que fica bem com o teu cabelo).É da H&M. O post que escrevi a explicar isto é este:http://fashionstatement-mulherescomestilo.blogspot.pt/2012/10/quando-o-tema-sao-penteados.html
TENHO A CERTEZA QUE JÁ TINHA RESPONDIDO À TUA PERGUNTA AQUI, MAS O COMENTÁRIO DESAPARECEU. Como é possível? Beijinho!