08/07/2012

E O PRÉMIO PASSATEMPO FORMOSURA É PARA ...


O primeiro prémio vai para a ANA ULRICH (via Chiara Petrino) pela inspiração:


Chiara Corbella Petrillo
Golas altas é old fashion? Sem dúvida. E ficaríamos por aí, não fossem os vários pormenores desta imagem.
Uma aliança, uma doença, a arte musical e um sorriso rasgado.
É preciso dizer que esta mulher - esta miúda - amava a vida com todo o coração. Chiara foi uma mãe heróica que deu a sua vida por outra vida. Uma história que me impressionou sobretudo porque, de tão dramática, poderia ter sido totalmente dominada por uma tristeza e desânimo constantes. Mas não: em vez disso, vemos uma mulher jovem, alegre e com uma enorme confiança em que tudo concorrerá para o Bem.

Chiara Corbella casou com Enrico Petrillo em 2008 e teve duas gravidezes que resultaram na morte dos bebés Maria e David e logo após cada parto, por força de graves malformações. Maria era anencefálica, e os pais já o sabiam antes de ela nascer - respeitaram ainda assim a sua vida, que durou 30 escassos minutos. Chiara afirmou que aquela meia hora não pareceu pouco tempo, que foi um tempo de inesquecível felicidade, dos maiores da sua vida, que não teria existido se tivessem optado pelo aborto.
Passado um tempo, em que não desistem, chega nova gravidez: vem Francesco a caminho, um filho sonhado desde o início do casamento de ambos. As sucessivas ecografias mostram que tudo corre bem e que o bebé é saudável mas, no 5.º mês de gravidez, é diagnosticado a Chiara um tumor na língua. Começa uma nova batalha: Chiara escolhe adiar o tratamento que poderia salvá-la mas que mataria o bebé. Sabe que corre um grave risco mortal se esperar pelo parto para se submeter a nova intervenção cirúrgica. Mas espera. Nascido o Francesco, a 30 de Maio de 2011, começam os sucessivos ciclos de tratamento. Ela, consumida até perder totalmente a visão do olho direito, não resiste por mais de um ano.
Esta fotografia foi tirada uma semana antes de Chiara partir.
Morreu há poucos dias, a 13 de Junho de 2012, com 28 anos.
E isto é a formusura na sua mais pura essência: um amor pelos valores humanos, pelas coisas boas da vida como a família, a arte, através da música e o amor aos que nos são dados.
E mais formosa ainda é a sua última confidência ao marido, pouco antes de morrer:
Um marido feliz e um filho sereno, mesmo sem ter a mãe por perto, são um testemunho maior do que uma mulher que venceu a doença”.

Texto e fotografia enviada por ANA ULRICH. Que eu só sei que encontro aqui e que gosto sempre muito.
Os sublinhados do texto são meus.

Mais prémios pelas participações que vou revelar em breve:
ALEXANDRA CHUMBO pelas "Bailarinas" que me catapultaram para as do Edgar Degas e que me EMOCIONARAM!
PAULA DELFIM porque deu a cara. E gostei dos looks pelas qualidades que nos prendem: a simplicidade e  a naturalidade.

Fica já  o CONVITE às três para um encontro no ILLUSION LX FACTORY em data que combinaremos entre nós e eles. Podemos levar as nossas amigas, mães e irmãs porque seguramente vamos passar um bom bocado em aprendizagem de estilo.
O primeiro prémio é o MAKE OVER. Para as duas premiadas tenho sessão de maquilhagem e ... uns presentes estilosos! Que vão gostar (espero:)))).

Datas entre as TRÊS vencedoras e eu e os Illusion: pelo e-mail do blogue, ok?

UUUUUUUUUUUUUUUAAAAAAAAAAAAAAAAAAAUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUU!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!


PARABÉNS ÀS TRÊS E MUITO OBRIGADA POR TEREM ENRIQUECIDO ESTE BLOGUE!

Kisses da Maria


3 comentários:

Ana Ulrich disse...

Iupi!!!!!!! Muito obrigada Maria!!

Estou ansiosa pelo makeover! Que bom chegar da DdS e ter esta grande surpresa!

Um beijo grande, acho que já tem o meu email para combinarmos a magnífica data :)
Ana

alexandrachumbo disse...

alinho, beijos! parabéns ana :)

Rosarinho disse...

Parabéns, ANA!!!!

A Ana é das mulheres mais giras, bonitas e estilosas que conheço!!
Beijinhos