12/12/2012

Peles! Peles! Peles! E... toma lá que já levaste.

Queridos Amigos,
Aqui vai um post mais compostinho e menos abandalhado do que é costume.
Desde que estamos a pensar neste seminário de Moda, com as Mulheres do Séc. XXI, acho que tenho que me conter nos meus desvarios de loucura neste blog e portar-me um bocadinho melhor e mais condignamente. Não sei se consigo deixar de dizer "raça do" e escrever calão com  tracinhos (são os "pis" blogueiros).
Definitivamente: peles! peles! peles!

Abrir o armário das avós, das mães e pô-los a arejar em cima do nosso "pelo". As peles estragam-se fechadas! Definitivamente têm de arejar pelas ruas da cidade em cima de nós e a aquecer-nos. Eu sou muito friorenta. E com este frio fazem uns looks fabulosos que nos transportam para o chique de outros tempos e, além disso, são lindos! Amo de paixão.  Quanto ao resto: sei que vou ser trucidada pelos amantes dos animais, mas a verdade é que é um regresso à origens e eu acho que já o Adão e Eva lá se taparam com as peles. As parras foi mesmo só para o Verão. Veio o Inverno no paraíso e foi um raça de um frio que eles literalmente se meteram dentro dos visons, dos ursos e das raposas do paraíso.




 E para terminar mesmo em "luxo" olhem-me para isto:


E sabem que mais? Apetece-me aparecer assim - tal e qual - à  frente dos nossos pretensos governantes e dizer-lhes: ainda há neste país quem goste de mandar a austeridade para os políticos comerem ao almoço no Tavares Rico e no Gambrinus. Temos de ter sentido optimista porque os Portugueses é que vão resolver a situação de Portugal e mostrar aos políticos, mais à troika, mas à manda-chuva-fardada (adivinhem quem é...) que nós gostamos de andar sempre bonitos mesmo no meio das complicações aonde nos meteram, mesmo que seja à custa dos fundos de armários das Mães, Avós, Bisavós,... E que não gostamos de fardas de casacos de virados apertados com uma fiada de botões com calças. Isso é mostrar que temos dignidade, que confiamos em nós próprios e que não nos comem por parvos. Não podemos parecer pedintes nem pobrezinhos. E também não temos vocação para fardamentos. E há mais: as peles não mas conseguem taxar. Não mas levam. Levam tudo. As peles não. São minhas e herdadas. Toma lá que já levaste. E levaram bem que de mim,  só falta levarem-me o tutano. E as peles. Mas essas não levam. Nem taxam. Nunca é demais repetir isto. Nem que as tenha que pôr num congelador na Suiça. Nunca se sabe.

O que acham? Atrevem-se?
Bisou da Maria

PS- Já viram a qualidade destas fotografias, heim? Estamos a evoluir. A minha Canon G15 é mesmo MUITO boa. Toda a gente que lhe pega fica extasiada com a qualidade desta máquina que nem sequer tem o "canhão" (=o que eu chamo à lente saída). Não foi barata, não. Mas é mesmo MUITO boa. A resolução destas fotografias não tem nada a ver com as das máquinas a que estava habituada. O que acham?

12 comentários:

Rosarinho MB disse...

A qualidade da máquina é mesmo muito boa!!!
Adoro peles... mas para daqui a uns aninhos que, por agora, ainda não tenho idade nem estatuto para as usar, a não ser em festas.
Vai também ao La Feria na quarta-feira?
Beijinhos

Catarina Nicolau Campos disse...

Tia, também tenho umas peles herdadas que amo de paixão, e uso. Mas há um casaco em particular de peles que nunca uso porque acho sempre que fico hiper volumosa. É da minha avó, mas tecnicamente é meu, que a avó já não gosta de o usar e eu desde pequenina que o uso nas minhas brincadeiras de miúda.
Mas depois vejo nas outras pessoas, acho que é próprio destes casacos serem assim...mas com o quê que os podemos usar para a sensação de volume não ser tão grande? Leggins?
E os tecidos? Quais os tecidos que a Tia aconselha para usar com estes casacões?
Obrigada e um beijinho desta sua sobrinha perdida neste mundo das peles ; )

Maria disse...

Rosarinho, na 4ª feira devo estar nos Champs Elysées ou no Faubourg Saint Honoré, na Dior ou na Chanel... Mas já vi o espetáculo, estive na estreia e é o melhor espetáculo de sempre do Filipe La Féria (palavras minhas e do meu N.). Vais gostar! Enjoy!

Maria disse...

Catarina: o casaco de que falas deve ser de raposa e, de facto, são muito volumosos. Aqui tens um look com um destes casacos, nas últimas fotografias deste post: http://fashionstatement-mulherescomestilo.blogspot.pt/2012/12/festa-com-quantas-contas-se-faz-uma.html.
O que eu aconselho para este género de peles são calças simples, em formato a direito (leggings) ou de ganga. Também ficam muito bem com calças pata de elefante (antes chamávamos à "boca de sino") e que se voltaram a usar agora, mas sempre com um tecido casual e sem estampado / liso (ganga ou parecido). E estes casacos também "exigem" calças da mesma cor da camisola (não é aconselhável misturar cores com este tipo de casacos) porque é como ficam bem. Com saias, torna-se mais complicado (só vendo e experimentando), mas não hesitaria a misturá-lo com um vestido simples de malha por baixo.
Como Vês: usa e abusa! Giro! Moderno! Estiloso! E ... quentinho, sobretudo para uma futura-querida-mãe!

Anónimo disse...

Confesso que gosto de peles e na família mãe, avós, tias passeiam as peles! Contudo, NUNCA vou usar peles verdadeiras... acho uma crueldade matarem os animais da forma como matam só para termos vaidade em cima. Acho muito desumano, mesmo. Sou católica, contra o aborto, a favor da VIDA. Não trato os animais como se fossem pessoas, mas trato-os com muita dignidade e era incapaz de usar peles verdadeiras... ir a touradas , etc, etc!
Não é um ataque pessoal, é apenas a minha opinião! Acho lamentável a forma cruel com que estes animais são mortos. Grrrrrrr

Maria disse...

Obrigada querido "Anónimo" pelo seu comentário. Queria dizer-lhe que também não concordo com essas formas de tortura de animais!

Rosarinho MB disse...

Olá!

Julgava que os conceitos de calças à boca de sino e calças pata de elefante eram diferentes. Sempre chamei "boca de sino" àquelas que são justas mas abrem um bocadinho mais abaixo do joelho. Pata de elefante chamava àquelas que são largas desde cima e que fazem mesmo uma abertura (nos pés) tão grande que cabia "a pata de um elefante" lá dentro!
é assim? ou não?
bjs

Anónimo disse...

Aí a carteira... Conheço uma jóia de moça que tem uma igual... Somos mesmo iguais!! Os genes estão cá todos!!
Beijinhos, Luísa

Maria disse...

Que honra Li!

Maria disse...

Li: honra para mim. Para que não fiquem dúvidas.... Estilosa!

Maria disse...

Rosarinho: acho que sim, que estás certa. Mas eu ouço chamar a umas e outras com ambos os termos e não estou segura. Temos de pesquisar isso! Se alguém por aí souber, diga-nos, sim?

Maria disse...

Rosarinho: acho que sim, que estás certa. Mas eu ouço chamar a umas e outras com ambos os termos e não estou segura. Temos de pesquisar isso! Se alguém por aí souber, diga-nos, sim?