27/12/2012

Quando se sabe sempre onde uma mulher esteve. O look do dia

Queridos Amigos,
Já andam sem notícias há uns dias e lembrei-me de todos ontem. Não podia deixar de lembrar. Com este look.... Só me faltou cacarejar. Não fui a lado nenhum que não se desse conta que eu tinha estado lá. Elas ficavam por todo o lado....E ainda hoje havia penas no carro.
Ora vamos lá ver:







 Colete de penas: Maité By Maria (Rua Ferreira Borges, em Campo de Ourique, em Lisboa), camisola e calaças: sei lá de onde...., mitenes: Zara; sapatos: Marc Jacobs, Mala: Coach, Chapéu: Stefanel. O cinto do laço é da minha querida Ana da Rosebud, de que se impõem um post inteirinho para breve...

Porque é que a máquina às vezes tira fotografias cheias de cor e outras sem cor, ainda não percebi...
O que já percebi é que vem aí o fim do mundo e não é para quando o previram, é para quando vier mesmo. E, por isso, nada tem a importância que lhe damos. A começar por nós mesmos (e pela pulseira que acabei de perder agora mesmo...)
Gosto de penas, o que querem????? Gosto mesmo.....
Depois, só mais uma notícia: desgracei-me e cortei o cabelo. Mas é só porque não tinha alternativa. Estava que era uma porcaria. Foi radical e sinto-me um bocadinho infeliz. É só para verem a sorte que têm, por terem TODAS um cabelo melhor do que o meu. SORTUDAS! Raça de cabelo o meu.

Kisses da Maria, versão avestruz.



4 comentários:

Fernando Vouga disse...

Olá prima

Mas que máximoooo!!!

Porém, para mim, a moda feminina é como os livros. Prefiro o conteúdo à forma...

Maria disse...

Fernando: eu compreendo-o...!

Rosarinho MB disse...

MARIA!!! Que penas tão giras da cor do chapéu... que máximo!!!
Os sapatos também são muito bonitos, mesmo!
Aposto que o cabelo está fantástico...!!!

Maria disse...

o cabelo... cortado... Gosto tanto de cabelos compridos!